Uma enfermeira está sendo julgada no Manchester Crown Court acusada do assassinato de sete bebês e da tentativa de assassinato de outros 10. Lucy Letby, 32, de Arran Avenue, Hereford, teria participado de uma matança de um ano enquanto trabalhava na unidade neonatal do Hospital Condessa de Chester.

Ela nega todas as acusações contra ela.

O julgamento começou ontem, 4 de outubro, quando questões legais não reportáveis ​​foram ao ar no tribunal.

A ré vestia um terno escuro quando apareceu no banco dos réus na terça-feira para confirmar seu nome.

Ela é acusada de assassinar cinco meninos e duas meninas entre junho de 2015 e junho de 2016.

Letby também é acusada de tentar matar outros cinco meninos e cinco meninas na clínica neonatal no mesmo período.

A audiência – prevista para durar até seis meses – foi então adiada para amanhã, 6 de outubro, quando os argumentos legais devem ser ouvidos.

Os pais de Letby, John, 76, e Susan, 62, assistiram à transferência do processo para os anexos do tribunal para as famílias das supostas vítimas e para a imprensa.

Uma ordem judicial no julgamento impede a divulgação das identidades das crianças supostamente agredidas por Letby.

Também proíbe a nomeação de pais ou testemunhas associadas às crianças.

By Ortega

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *